10 Excelentes Ângulos para Fotos de Comida

Você adora tirar fotos de comida, divulgar nas redes sociais? Então veja aqui as dicas para dar água na boca!

Fotografar comida é muito parecido com fotografar pessoas, já que essas também possuem ângulos favoráveis que apresentam seu melhor lado. Considerando a variedade de comidas existentes, os diversos modos de cozinhar e estilos de apresentação dos pratos, um bom trabalho fotográfico também apresenta possibilidades infinitas.

Mas qual é o melhor ângulo? Aqui vãos os TOP 10 favoritos para fotos de comida:

ÂNGULO 1: DE FRENTE, 0º OU ZEN

By DesignNPrint

A câmera está completamente centralizada no objeto. Esse tipo de ângulo nulo reverbera um look e sensaçãões contemporâneas. Dica: mantenha os objetos ao mínimo, sem acessórios ou adereços.

ÂNGULO 2: DE CIMA

A câmera deve estar posicionada diretamente acima do objeto e perfeitamente centralizada. Esse ângulo traz uma aparência gráfica e contemporânea para a imagem. No caso da foto, o autor optou por deixar espaço copy space.

ÂNGULO 3: PERDIDOS NO ESPAÇO

por Skyangel

Para fazer esse tipo de foto, a comida deve ser disposta diretamente em uma superfície de vidro acrílico branco, preto ou espelhado. Uma caixa branca pode ser colocada debaixo do acrílico. Isso cria um ambiente contínuo e sem sombras. Quando você não tem um ponto de referência (sem linha do horizonte, sem placa, sem senso de ambiente), você pode fotografar de ângulos incomuns e aproveitá-los.

ÂNGULO 4: JUNTO E INCLINADO

A câmera está inclinada para a direita, de modo que o objeto se inclina no sentido anti-horário. Dessa forma temos a sensação de que o prato está nos convidando a “entrar na imagem”.

ÂNGULO 5: INCLINADO

By CoreDesign

A câmera é posicionada inclinada para a esquerda e o objeto se inclina no sentido horário. A sensação é que a imagem está se afastando de você. Ao mesmo tempo isso a torna irresistível já que se trata de uma foto que desperta o paladar. Dessa forma ela envolve o espectador com o desejo de segui-la.

ÂNGULO 6: EM CLOSE UP E PESSOAL

By Divily on Pixabay

Não tenha medo de chegar bem perto do seu objeto. A comida não irá morder você. Ou irá? Quando você tira fotografias em close ups, o ponto de referência perde a importância, por isso qualquer ângulo de câmera irá, certamente, abrir o apetite de quem vê.

ÂNGULO 7: DE CIMA E COM PERSPECTIVA

By jonathanvalencia5

A câmera está posicionada acima e à frente do objeto, com uma certa inclinação que permite que o objeto preencha o quadro. Dessa forma, a fotografia manterá uma composição gráfica dinâmica que irá direcionar o olhar de quem vê a imagem percorrendo a direção do primeiro plano para o fundo.

ÂNGULO 8: EM DIAGONAL

By DrawsAndCooks

Vire sua câmera para que o objeto comece em um canto e termine no canto oposto, ocupando todo o espaço da foto em diagonal. Dependendo do tipo de prato, você pode estabelecer um ponto focal no objeto.

ÂNGULO 9: RESPEITANDO A LINHA

By Sasha Gitin

Ao olhar pela câmera, alinhe a borda do quadro a qualquer linha que você observar no objeto. Neste caso, escolhi alinhar três linhas paralelas (bordas esquerda e direita da fatia). Então eu virei a câmera até que essas 3 linhas ficassem paralelas à borda vertical do quadro. Isto criou uma composição muito monumental e incomum, concedendo uma importância sem precedentes a esta fatia de um bolo de queijo regular.

ÂNGULO 10: SUAVE INCLINAÇÃO

By DrawsAndCooks

A câmera estava ligeiramente inclinada para a esquerda. Por quê? Porque o cérebro humano gosta de escanear coisas por seção. Se a câmera tivesse sido nivelada, criaria uma linha horizontal que dividiria a composição em duas seções e forçaria o olho a se afastar do centro. Mas neste caso, eu queria que o olho fluísse livremente por toda a imagem, e parasse apenas no ponto focal. Então, a inclinação suave resolveu o problema.

CONCLUSÃO:

Tente esquecer tudo o que você acabou de aprender, apenas observe o seu objeto e tente vê-lo. Durante a observação atraia posicione a câmera nos olhos e comece a enquadrar. Mantenha sua mente clara, sem pensar. Quando você começar a sentir uma sensação de incômodo entrando pelo seu estômago e se espalhando pelo peito, faça um print!

Autor: Sasha Gitin é um fotógrafo de comida e estilo de vida baseado em Nova York, que atua nos setores de publicidade e editorial. Sua carteira comercial pode ser revista em sashagitin.com. Além disso, Sasha é co-fundador de um blog de fotografia educacional LearnMyShot.com onde ele compartilha dicas e técnicas de fotografia.

Link original: https://digital-photography-school.com/angles-for-food-photography/
Tradução e Adaptação: Cacau Freire – PHOTOVIDEOBANK